Folha de São Paulo, 26/12/2019

Com cotas, aulas da USP começam a perder ‘brancocentrismo’

Total de negros na universidade cresceu de 17% a 25% em cinco anos; cotistas trazem à pauta vivência de periferia e racismo

Angela Pinho

Clique aqui para ler

× clique aqui e fale conosco pelo whatsapp