bool(false)





Nova pagina 3

COSMO,


http://www.cosmo.com.br/noticia/5635/2008-08-25/profissao-de-policial-brmilitar-tem-alta-procura.html
,
25/08/2008 – 16h21 .

Profissão de policial militar
tem alta procura


Corporação oferece 2,5 mil vagas para soldado e os interessados devem fazer a
inscrição até sexta-feira

Érica Araium

Até a próxima sexta-feira, a Polícia Militar do
Estado de São Paulo está com inscrições abertas para concurso público que
pretende preencher 2,5 mil vagas para o cargo inicial de soldado de 2ª classe.

E, ao contrário do que se poderia imaginar, nem mesmo
a atual crise da instituição parece afugentar os candidatos (homens de 18 a 30
anos), que se sentem mais inclinados a ingressar na carreira por vocação do que
pela garantia de estabilidade futura ou salário inicial de R$ 2.027,00.

Somente em Campinas, nos últimos dois anos, 39,2
candidatos disputaram cada uma das vagas disponibilizadas pela instituição em
seleções semelhantes, média que deve ser superada este ano, segundo estimativas
da polícia.

Vinícius Vessio, por exemplo, já se inscreveu para o
concurso público deste ano e está se preparando, também, para o concorrido
vestibular da Academia de Polícia Militar do Barro Branco, realizado pela Fuvest.
“Pretendo me tornar oficial da PM e trabalhar no Comando de Operações e
Investigações. Mas se entrar nesse concurso público e me tornar soldado, também
ficarei realizado. Sempre quis servir e proteger a população”, diz referindo-se
ao lema da PM e com a segurança de quem conhece bem o terreno em que está
pisando. “Sei dos riscos que vou correr nas ruas e de que representarei toda uma
corporação. Então estou me preparando psicológica, física e intelectualmente
desde já para tomar as decisões corretas”, adianta.

Segundo a psicóloga Maria Francisca de Mello, que há
mais de 20 anos trabalha com orientação vocacional e profissional, tal postura
ilustra bem o tipo de candidato que tem sido admitido nas seleções da PM dos
últimos dois anos. “Além de fortes fisicamente e inteligentes, são pessoas
estruturadas emocionalmente, maduras e que sabem dosar a ansiedade tanto para
passar pela rigorosa seleção quanto para suportar a pressão dentro dos
quartéis”, pondera.


Perfil profissional

Isso é o que atesta o tenente coronel Hudson Camillo,
chefe da divisão administrativa e operacional do Comando de Policiamento do
Interior 2 (CPI 2). “O profissional é alvo constante de avaliações de conduta.
Para que ele possa empunhar uma arma e zelar pela segurança da população,
precisa ter níveis de agressividade controlados, ou seja, saber agir e também
recuar no momento certo”, ilustra. “A integridade moral, sem dúvida, é a
habilidade mais exigida”, completa.

O coronel adverte que, ao contrário de outras
profissões, que exigem conhecimentos técnicos específicos, a carreira de
policial militar exige múltiplas competências do indivíduo. “O PM precisa
dominar desde a língua portuguesa e legislação para redigir documentos como
boletins de ocorrência e termos circunstanciados de forma clara e coesa, quanto
ter noções de primeiros-socorros, por exemplo”, ilustra.


Seleção apenas para homens

Os interessados em participar do concurso público da
PM devem ser homens, ter de 18 a 30 anos, ensino médio completo e estatura
mínima de 1,65m.

As inscrições vão até às 16h de 29 de agosto e devem
ser feitas pelo site do banco Nossa Caixa (www.nossacaixa.com.br).

A taxa é de R$ 32,74. A seleção inclui diversas
etapas: prova de escolaridade (prevista para 19 de outubro), redação, testes
físicos, exames psicológicos, exames odontológicos, exames médicos, investigação
social e análise de documentos e títulos. As vagas estão distribuídas em
diversas cidades e comandos do Estado.


1 comentário

Os comentários estão fechados.

× clique aqui e fale conosco pelo whatsapp